Porto Velho / RO - sábado, 31 de julho de 2021
(67) 99967-8787

O dia na história – bom dia 3 de julho!

Publicado em: 03/07/2021 - 11:00

RONDÔNIA

Em 1962 – Milton Lima toma posse como governador do Território de Rondônia, é o 14º desde quando foi  criado o Território (do Guaporé) em 1943.

COMEMORA-SE: Dia do Ministério da Justiça, 199 anos da instituição criada por D. Pedro I como Secretaria do Estado dos Negócios da Justiça. Dia Nacional de Combate à Discriminação Racial (Lei n° 1.390, a Lei Afonso Arinos, de 1951). Dia Internacional do Cooperativismo. Dia dos Incrédulos.

Católicos lembram São Tomé  Apóstolo, São Eutíquio, São Leão II.

 

FATOS

1884 — Dow Jones & Company publica sua primeira média de ações.  1901 — Nasceu o escritor paraibano José Lins do Rego, dentre suas obras “Menino de  Engenho”. 1904 — Morre Theodor Herzl, jornalista judeu austro-húngaro, pioneiro a favor da criação do Estado de Israel. 1917 — Nasce João Saldanha, jornalista e técnico que classificou o Brasil para disputar a Copa de 1970 no México.  1928 – Ocorre a primeira transmissão mundial de uma televisão em cores, em Londres. 1976. Comando israelita ataca o Aeroporto de Entebbe (Uganda), liberta 103  reféns, feitos por terroristas palestinos que sequestraram um jato da Air France. Só um militar israelita morreu. 2001 – O primeiro coração artificial totalmente autônomo é implantado em um paciente nos EUA.

 

FOTO DO DIA 

O primeiro avião visto nos céus portovelhenses foi em 1927, quando uma aeronave da empresa aérea Condor sobrevoou a cidade. O piloto abriu a janela e atirou sobre os moradores um panfleto anunciando a  aberturados voos para a região (Jornal Alto Madeira). O historiador Aleks Palitot cita que o primeiro a pousar na cidade, na realidade foi um da empresa CONDOR, sobre as águas do Rio Madeira, foi o W – 34 “TAQUARI”, pilotado pelo Eng. Frederick Hoepken, de nacionalidade alemã, e pelo Major Basílio da Aeronáutica Militar do Brasil. A rota inicial foi Rio-Porto Velho que, depois de várias considerações e estudos pelo Eng. Frederick Hoepken, foi até Rio Branco.

 

Autor e fonte: Lúcio Albuquerque

Desenvolvido por Argo Soluções