Porto Velho / RO - sábado, 31 de julho de 2021
(67) 99967-8787

Jornalistas são vacinados contra a Covid-19 em Porto Velho

Publicado em: 13/07/2021 - 9:27

Jornalistas que trabalham na linha de frente produzindo notícias em Porto Velho foram vacinados contra a Covid-19 na segunda-feira (12). A Prefeitura da capital montou uma sala exclusiva para imunização dos profissionais no pavilhão C do Campus I da Faculdade Uniron, no bairro Cascalheira. Foram disponibilizadas 200 doses que foram aplicadas a partir das 15h.

Após receberem o imunizante Janssen, que protege com apenas uma dose, eles recordaram os colegas que morreram durante a pandemia. “Perdemos muitos amigos durante a pandemia. Lembro o colega Luiz Júnior que, se estivesse vivo, completaria 41 anos de idade hoje, no dia em que estamos sendo vacinados”, disse o jornalista João Paulo Prudêncio.

Para Débora Moutinho, receber a vacina foi uma grande emoção, porque representa esperança para toda a sociedade. “Haverá vacina para todos. É a única saída, a única proteção”, afirmou.

O repórter cinematográfico Eduardo Lima também ficou aliviado ao tomar a dose da vacina Janssen. “Graças a Deus este dia chegou. Cansamos de perder amigos jornalistas infectados pelo vírus”, disse.

Apesar da programação, poucos profissionais foram ao posto montado na Uniron para receber o imunizante. Segundo a gerente da Divisão de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Elizeth Gomes, parte dos jornalistas já foi atendida por estar incluída nos grupos por faixa etária.

Como ocorreu com outras categorias, os jornalistas também precisaram se cadastrar no aplicativo SASI. Além disso, era necessário apresentar documento de identificação com foto e comprovar o exercício da profissão.

“Os demais profissionais que não estão na linha de frente devem fazer o cadastro no aplicativo SASI e aguardar o chamado para receber o imunizante”, pediu Elizeth Gomes.

 

SEGUNDA DOSE

A gerente de imunização da Semusa apela às pessoas que estão com a segunda dose atrasada, que compareçam para serem imunizados o mais rápido possível. “Temos um grande contingente que não completou o ciclo vacinal”, lamentou.

De acordo com a profissional de saúde, mais de 2 mil pessoas não compareceram para tomar a segunda dose do imunizante contra a Covid-19. “Isso é preocupante porque as pessoas só estão imunizadas após receberem a segunda dose”, explicou.

Para receber a segunda dose não é necessário fazer outro agendamento. Basta comparecer ao posto de vacinação, levando a carteirinha que comprova o atendimento com a primeira dose.

 

Fonte: Prefeitura de Porto Velho

Desenvolvido por Argo Soluções